Home / Programas Habitacionais / Prefeitura de SP anuncia o início da construção de 349 unidades habitacionais em Paraisópolis
Prefeitura de SP anuncia o início da construção de 349 unidades habitacionais em Paraisópolis

Prefeitura de SP anuncia o início da construção de 349 unidades habitacionais em Paraisópolis

A Prefeitura de São Paulo pretende continuar com o seu Programa de Metas até 2024, estipulando a viabilização de ao menos 49 mil unidades habitacionais do seu interesse social, indo desde as unidades entregues e as que forem contratadas.

Na última terça-feira (12), o Prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes, anunciou o início de 349 obras unidades habitacionais dentro da comunidade de Paraisópolis, mais precisamente no Conjunto Parque Sanfona. Todas as famílias que foram contempladas serão removidas das áreas onde habitam na região, atualmente recebendo um Auxílio Aluguel da Prefeitura da capital paulista.

Previsão da entrega das chaves é para os próximos 2 anos

De acordo com a fala do prefeito, a previsão para a entrega das chaves está prevista para acontecer no segundo semestre de 2024, mostrando que a administração está comprometida em concluir as obras até outubro de 2024, afirmando que já estão com o dinheiro em caixa e tendo como organizar os pagamentos. Caso dê tudo certo, existe a expectativa da própria Prefeitura de até antecipar o prazo da construtora.

Durante o momento da assinatura da Ordem para o Início de Serviço, Nunes destacou a aprovação da proposta na Câmara e a revolução que irá causar para o setor de habitação popular. O novo marco regulatório habitacional será um marco para a cidade, podendo ser o precursor da aceleração de questões habitacionais e poder reduzir uma fila de espera que neste momento comporta uma fila de 160 mil pessoas cadastradas e que estão esperando pela possibilidade de obter uma moradia.

Faça sua inscrição para a Cohab e CDHU para aproveitar as oportunidades de moradia AQUI.

Novas moradias

Para João Faria, que é Secretário Municipal da Habitação, já foi encaminhado a construção de 349 apartamentos no Parque Sanfona, o que será apenas uma das ações da Prefeitura de São Paulo em prol da habitação. O plano não é apenas de construir moradias, mas também de praticar a regularização fundiária.

Já foram seladas 1200 domicílios, com o plano de terminar a regularização de mais 1200 títulos fundiários. Os paulistas que forem contemplados devem saber que ao momento em que receber a casa, ninguém mais pode tirar esse título dela.

Quem também se pronunciou foi o Presidente da Associação dos Moradores e Comércio de Paraisópolis, Francisco Diniz, que comentou que a população local vai poder acompanhar de perto a construção das unidades e se preciso eles vão poder ajudar no intuito de agilizar o término das obras.

Projeto para urbanizar as favelas

Também está sendo desenvolvido o Projeto Urbanização Favelas pela Secretaria Municipal de Habitação. O foco é proporcionar a urbanização e a regularização fundiária de áreas que estejam degradadas, ocupadas e com pouca estrutura. A urbanização é o primeiro passo para se investir na regularização fundiária de uma região, proporcionando a ascensão social da população no contexto da cidade.

Como maiores objetivos, está em terminar a transformação das favelas e os loteamentos que se encontram em situação de irregularidade nos bairros, garantindo a todos os moradores uma cidade formal, com direito a saneamento básico, ruas asfaltadas, iluminação e bons serviços públicos. O programa também visa ajudar as famílias que se encontram em situação de risco, principalmente as que moram em áreas propensas a desabamento de terra.

Check Also

Como se cadastrar no Cohab Campinas?

Como Se Cadastrar Na Cohab Campinas SP?

A Companhia de Habitação Popular de Campinas, a Cohab-Campinas, é uma empresa de economia mista, que …